Você é capaz de decifrar essa?

Bagagens, paletós dobrados por sobre a cadeira, garrafinha de água mineral sem gás deixada pela metade, latinha de Coca-Cola vazia, Eduardo Cidade, homenzarrão de retumbante sotaque santa-mariense, e eu, juntos, à mesa de uma lanchonete do aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis. Eu lendo, Cidade conferindo seu celular. A pergunta é: o que teria feito vir conosco e ter parado ali, em cima da mesa que nos separava, um saquinho transparente, carregando consigo um absorvente interno de um laranja reluzente? Essa eu duvido. Façam suas apostas.

Advertência — só pra não causar muita expectativa e pôr em risco valiosas noites de sono: claro que a resposta será bem menos surpreendente do que foi pitoresca a cena descrita na lanchonete e seguinte, na esteira de embarque, de um funcionário da Infraero aguardando eu tomar de volta de sua bandeja plástica meu pertence incomum.

Anúncios

10 Comentários

Arquivado em Genéricos

10 Respostas para “Você é capaz de decifrar essa?

  1. Acredito que um mulher o deixou lá.

  2. Elisa

    Hahaha! Imagino a sua cara!
    Aposto como não é absorvente interno não! É um EPI! É aquele tampão de ouvido que o pessoal de terra usa para se proteger do barulho ensurdecedor das turbinas (era de um funcionário da Infraero, é isso mesmo?). A cor é chamativa, mas a aparência é de O.B. mesmo!
    Acertei?

  3. Errou, Dona Bina! 🙂
    Eu mesmo o trouxe ate a mesa. Mas como veio parar ate mim? O misterio continua.

  4. Hehehe! Tá criativazinha, hem? 🙂
    Não, erraste, Elisa.
    Te afirmo: era mesmo um absorvente interno.

  5. Léo

    Alemão, o absorvente estava no bolso do teu paletó. Tua excelentíssima namorada havia solicitado para ti que carregasse o tal “acessório” durante uma formatura que haviam ido e ela não queria levar bolsa…
    Enfim, ao dobrar o paletó sobre a cadeira o dito cujo caiu do bolso…

  6. Sabe o que eu ouvi? Que eu não seria cavalheiro suficiente para isso. Vê se eu posso.
    Mas nesse caso, Léo, não, o óbê não caiu do meu paletó.
    Te puxaste, hem?

  7. Mariana

    Bah, óbê cor de laranja…primeiro, não acredito que venha a ser carregamento teu, segundo, nunca vi tal espécie de absorvente….deve ser coisa do outro menininho, ele achou tão exótico que pediu um saquinho no aeroporto, daqueles de levar flúidos em vôos internacionais, pra guardar a tal COISA!

  8. Celso

    Juliano:

    Esta não consegui decifrar.
    Tentarei na proxima vez.

  9. tenho um roxo aqui em casa 😀 é da mesma marca heuehuehe

    mas pq cargas d’agua carregou isso contigo??

  10. Pingback: Fim do mistério | O CLJ Me Enganou

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s