Poente digital

“Deus meu, neste 24 de novembro de 2008, obrigado pela saude que me permite admirar este ceu com todo o meu entendimento.”
 

Quando o sinal do sol jah nao alcança

a telona toda deste ceu azul

Entao os pixels coloridos se recolhem

dando lugar aos pontos de luz escura

Que preencherao a resolucao do horizonte todo

e do pouco zoom que a paisagem urbana me permite visualizar

Entre as contrucoes de tamanhos irregulares

e as antenas externas nos telhados das casas

o contraste se vai

E a cada tecla minuscula q pressiono no meu smartphone

mais um ponto luminoso da tela clara tambem se despede

Nao para dar lugar ao mesmo preto que se instalou a minha volta

mas ao negro das letras —

outra geniosidade deste Deus inventor.

 

Do smartphone, papel de parede do fundos de casa, sentado no degrau da porta da cozinha

Do smartphone, papel de parede dos fundos de casa, sentado no degrau da porta da cozinha

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Genéricos

Uma resposta para “Poente digital

  1. e esta digitação de internet… é intencional?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s