Click

ClickPensei em dar um click dias desses aí. Assim como em muitos dias desse e do ano passado. Dar um click e deixar passar uns tantos capítulos da vida. Pegar ela de novo lá na frente, daqui a dias, a anos. Fazer passar o tempo pra não passar por este ou aquele dia mais difícil. Foi sobre isso que me fez pensar o filme Click, que está em cartaz nos cinemas de Porto Alegre. Conta a história de um pai de família que, descontente com a vida que leva, aceita como presente de um anjo um controle remoto universal que tem o mágico poder de alterar o ritmo natural das coisas, inclusive do tempo. Não, não é nenhuma obra com nenhum roteiro de causar inveja. Mas é um bom provocador pra uma série de reflexões.

 

Penso em momentos difíceis da vida e penso em eu dando um click e zarpando dali, dando um salto pra dias depois, anos depois. E penso no que isso teria me transformado. Que impacto isso causaria no cara que sou hoje. Que lições deixaria eu de aprender, de experimentar. Isso porque cada vez mais está certo pra mim que tomo as decisões que tomo, reajo da forma como reajo porque já vivi alguma experiência que me ensinou como fazer. Pode, claro, ser algo existindo só no inconsciente, pode. Mas é decisivo a cada manhã vivida, a cada palavra trocada com alguém.

 

Uma amiga e eu já suspiramos juntos, cansados de tanto aprender com essa vida. Depois damos risada. Não tem jeito. O certo é que não paramos de aprender e ela não vai parar de nos ensinar enquanto andarmos por aí, tropeçando em situações novas a todo momento.

 

Sem muita pretensão da minha parte, a mensagem do filme serve pra todos. Tocar a vida assim mesmo, como ela se apresenta. Sem click e sem resmungar.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Genéricos

Uma resposta para “Click

  1. Eu vi esse filme. Pois é, vivo falando sobre isso com um amigo tb 😀 sobre aprender…
    Pensei mtas vezes durante o filme como seria poder repetir alguns momentos, em câmera lenta, podendo congelar algumas partes… ai ai.. seria bom, definitivamente… mas passar a minha vida em alguns capítulos eu não queria… pq eu não seria mais essa que sou. Com certeza.

    Beijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s