O farto e o faminto

Quando há o faminto e o farto, precisa haver esforço de ambos para que a transformação aconteça. O faminto precisa dizer que tem fome e muito mais. Precisa mostrar legitimidade do seu esforço por uma condição melhor de vida. Precisa querer que a fome do outro também seja saciada. O farto precisa revelar seu caráter humanitário, abrir mão da vaidade e estender a mão.

A relação que se estabelece entre o FSM e Davos é esta entre o faminto e o farto. Ambos possuem sérias responsabilidades e ambos ignoram que as possuem.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Genéricos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s